19 de outubro de 2021

Unidade de Educação Sesc Jaraguá exibe produções autorais de alunos

Peças de bordado foram inspiradas pela exposição “Reunindo Bordados”, do acervo de arte do Sesc

A exposição “Nas Entrelinhas da Imaginação” teve a sua segunda etapa de exibição no sábado (16). A mostra reúne trabalhos autorais de estudantes da Unidade de Educação Sesc Jaraguá feitos com bordados em camisas pintadas, chapéus, peneiras, máscaras, mandalas, sandálias, entre outros objetos. A exposição aconteceu na área interna da escola e foi prestigiada por familiares dos alunos do turno matutino.

Os trabalhos autorais dos alunos foram produzidos na própria escola e tiveram como inspiração a exposição “Reunindo Bordados”, do acervo de arte de Sesc Alagoas, exibida na unidade de ensino nos meses de maio, junho e julho. A primeira exibição da mostra “Nas Entrelinhas da Imaginação” ocorreu no dia 2 de outubro.

Com a contribuição da arte-educadora Marília Soares, a escola também promoveu oficinas de flores de papel, chaveiro de lã, bordado e aquarela, bordado em papel, tear em madeira e garrafa decorada, proporcionando momentos de integração entre pais e alunos.

O motorista de aplicativo Gláucio Amâncio de Oliveira, pai do aluno do 3º ano do Ensino Fundamental Cauê, disse que a exposição é uma forma de aproximar a escola dos pais, além de contribuir para o desenvolvimento intelectual dos alunos. “Como acontece em todas as outras iniciativa da escola, sempre gosto muito dos resultado. São atividades que acrescentam cada vez mais no dia a dia dos alunos e na formação deles. Além de ocupar o tempo, as crianças estão aprendendo novas habilidades”, relatou Gláucio.

Cauê participou de uma das oficinas e aprovou a experiência. “Gostei de fazer esse caderno e não achei difícil. Quando chegar em casa, vou ensinar para a minha família toda. Gosto muito de estudar aqui e o que mais gosto na escola é a hora do recreio, mas aqui aprendo muita coisa, como matemática, história e ciências e é muito legal”, contou.

A técnica de enfermagem Maria Sthefany da Silva, mãe da aluna Isis, relatou que foi surpreendia com a criatividade dos estudantes. “Quando a gente está em casa ou trabalhando, a gente não está acompanhando todos os dias o rendimento deles, mas aqui dá pra ver a criatividade deles, o quanto eles estão desenvolvendo a mente, evoluindo cada vez mais, brincando e desenvolvendo as habilidades”, destacou.

Proposta da atividade

O objetivo da atividade foi resgatar memórias dos alunos, por meio do contato com obras de arte do acervo do Sesc Alagoas, para transformá-las em trabalhos autorais.  As produções expressam a percepção que eles tiveram nos momentos de observação da exposição “Reunido Bordados”.

“Nesta atividade, as crianças conheceram os variados pontos de bordado, a história e as memórias em torno das obras. Além disso, na sala de aula, as professoras aprofundaram o contexto dos bordados com histórias literárias infantis e pensaram em suportes que pudessem ajudar os alunos a fazerem releituras das obras observadas anteriormente”, detalhou a coordenadora pedagógica da escola, Julianne Tenório.

A analista em Artes Visuais do Sesc Alagoas, Fabiana Xavier, explica que a atividade também teve a intenção de fazer as crianças se conectarem artisticamente com pessoas da família. “Os alunos puderam se aproximar das artes visuais, conhecendo as possibilidades da linguagem, os suportes que os artistas podem materializar suas artes, as cores, os movimentos, mas como a arte também promove encontros e atravessamentos, as crianças também puderam olhar para suas avós, tias, mães e reconhecer nelas todo o fazer artístico que elas também tinham. E, para isso, utilizamos o bordado como fio e como laço”, disse.

19 de outubro de 2021

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *