5 de novembro de 2019

Sesc das Artes continua em novembro

O projeto promove apresentações artísticas em Maceió e Arapiraca

Multiplicar linguagens e o alcance da arte no imaginário popular, é o que propões o Projeto Sesc das Artes.  São diversas ações culturais que proporcionam ao público a vivência de novas experiências por meio dessas diferentes expressões, divertindo e propagando a arte. Em novembro, o Sesc segue com uma programação  de apresentações artísticas (cênicas e musicais) acontecem durante todo o mês, no Teatro Jofre Soares, em Maceió, e no Teatro Hermeto Pascoal, em Arapiraca. A atividade terá entrada gratuita ou solidária (doação opcional de 1kg de alimento não perecível que será destinado às instituições cadastradas no Programa Mesa Brasil), os ingressos serão entregues 1h antes de cada apresentação.

Sobre o Sesc das Artes

 Ação voltada ao fomento e difusão da produção artístico cultural alagoana, bem como a formação de plateia, considerando seu aspecto formador que inclui o desenvolvimento de atividades regulares. Tem por objetivo incentivar a difusão de espetáculos alagoanos, possibilitando que os grupos tenham suas metodologias, linguagens e técnicas amplamente divulgadas, conhecidas e reconhecidas, além de incentivar a produção de das artes no estado.

 

PROGRAMAÇÃO

ARAPIRACA – NOVEMBRO

 

08/11  

ITALLO FRANÇA
Música / Livre
Com os pés descalços ou com sandálias lepe-lepe, é bom andar com singeleza pelos quatro cantos – e encantos – desse lugar especial que o músico arapiraquense Ítallo França ergueu em seu trabalho autoral solo. Como exemplo podemos citar o primeiro EP “Estrela Carente”, com renomado sucesso na internet, com música em trilha do curta metragem nacional “A casa ao lado” dando mais de 100 mil visualizações no trabalho no mundo virtual, entre Youtube, Soundcloud e Spotify. O álbum “Casa” , seu primeiro disco completo, foi lançando na internet e pode ser ouvido na íntegra na plataforma Youtube e outras mais. Ítallo, como apenas se autointitula na obra, conta com várias participações especiais ao longo das oito faixas, embebidas de influências diversas indo da Nova MPB, como em “Compartilhar”, a elementos que transbordam a nossa alagoaneidade, a exemplo da bela “Rosário de Arapiraca”. Sua música acalanta qualquer ouvido na face da Terra e, onde haja vida, sempre dá vontade de ouvir sua voz. As letras que Ítallo escreve nos prendem e, ainda assim, viajamos – por exemplo, ouvindo ‘A Sombra do Pé de Mangueira’ da um ar daquela volta para o seu quintal em na infância, onde só havia felicidade, folhas, pássaros e ximbras. O registro sonoro nos mostra a evolução que o cantor e violonista vem deixando em seu percurso pela música alagoana, que também tem projetos com a Alfabeto Numérico e The Mozões.

 

22 /11

TEQUILA BOMB
Música / Livre
O Tequilla Bomb é um trio de música eletrônica, com influências em ritmos jamaicano, genuinamente alagoano. Formada em meados de 2011, a banda começou com a ideia de um DUO com experimentação musical e utilização de instrumentos e efeitos sonoros ao vivo. Com as parcerias e vivências em shows integrou a banda o Rapper/Toaster alagoano Toninho ZS, inserindo letras com mensagens politizadas às composições do grupo. O grupo Tequilla Bomb é formado por: Carlos Peixoto, (BeatMaker, programador, FX), é produtor musical do projeto de digital hardcore/Industrial (Ellen Ripley) e baixista das bandas de hardcore, Varial e Mutação. Bruno Brandão, (Synth, Contra-Baixo, Percussão, FX), músico, multi-instrumentista e produtor musical, percussionista do grupo Gato Zarolho e fez parte do grupo de percussão Orquestra de Tambores do Estado de Alagoas. Toninho ZS (Vocal), professor sociólogo, envolvido com o cenário do rap alagoano, faz parte do grupo Família 33, projetos que também tem grande representação cultural para o estado de Alagoas.

Informações (82) 3482-2402
www.sescalagoas.com.br

“>