1 de abril de 2019

Sesc apoia Movimento Abril Verde

A campanha tem a finalidade de lembrar a sociedade das questões relacionadas à saúde e segurança do trabalho

 

O Sesc Alagoas participa das atividades do Movimento Abril Verde – Campanha que tem o objetivo de informar e sensibilizar sobre a importância da prevenção e da redução dos acidentes de trabalho. As atividades iniciaram hoje (01), no período da manhã, com a abertura da Exposição Fotográfica “Heróis da Prevenção”, no Maceió Shopping. A mostra retrata o perfil de técnicos de Segurança do Trabalho que dedicam suas vidas à preservação da saúde e segurança de trabalhadores.

 

Programação

No dia 03.04, será realizada a abertura da Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes do Trabalho (CANPAT – 2019) pela Superintendência Regional do Trabalho (SRT-AL). Este evento acontecerá no auditório anexo à sala de sessões do Tribunal Pleno do TRT da 19ª Região (TRT/AL), localizada no 2º andar do Fórum Pontes de Miranda, sede da Justiça do Trabalho em Alagoas, Avenida da Paz, nº 2076, Centro. Instituída em 1971, a CANPAT é um conjunto de ações proativas que visam a promoção de uma cultura de segurança e mobilização da sociedade para a necessidade de ações de prevenção no ambiente de trabalho.

No dia 12.04, das 8h30 às 11h50, no auditório da Casa da Indústria, acontecerá o III Seminário Abril Verde, que abordará o tema “Prevenir Acidentes no Trabalho: a opção é sua!”. As palestras são direcionadas a empresários, gestores e profissionais das Áreas de Recursos Humanos, Segurança e Saúde no Trabalho. A temática “Desafios do eSocial em segurança e saúde no trabalho” será apresentada por Alexandre Calzado, engenheiro de segurança, perito judicial e assessor técnico do Sesi/AL.

Às 10h20, o Grupo Teatral Socioeducativo do Sesi/AL se apresenta, trazendo o Segurança e Saúde no Trabalho. A última palestra do dia, às 11h, será sobre “Prevenir ou Remediar?”, conferida pela juíza do Trabalho do TRT/AL,  Bianca Tenório Calaça, mestre em Direito Público UFAL, especialista em Direito Público CEAP, Gestora Regional do Programa Trabalho Seguro do Tribunal Superior do Trabalho.

O engenheiro de segurança Alexandre Calzado, realizará mais uma palestra: Desafios do eSocial em Segurança e Saúde no Trabalho”. O evento ocorrerá na Unidade Sesi Senai (Teatro do Sesi) da cidade de Arapiraca, às 9h. Logo após, às 10h20, o Grupo Teatral  Socioeducativo do Sesi/AL trará a apresentação sobre Segurança e Saúde no Trabalho. Às 11h, acontece a temática “Vale à Pena Burlar a Lei?”, conduzida por Leandro Carvalho, economista, advogado e auditor-fiscal do Trabalho.

No dia 26.04, às 13h30, no auditório da Ademi (Norcon Empresarial), em Maceió, o auditor-fiscal do Trabalho Elton Machado e o procurador do Ministério Público do Trabalho titular da Coordenadoria de Defesa do Meio Ambiente do Trabalho, Rodrigo Alencar, apresentarão o tópico “O cipeiro e suas atribuições no ambiente de trabalho”. Às 14h30, haverá mais uma esquete teatral do Grupo do Sesi sobre Segurança e Saúde no Trabalho. Às 14h50, será realizada a apresentação de cases.

Campanha – O Movimento é resultado de uma parceria entre a Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Alagoas (Ademi), Grupo Prevencionistas, Ministério Público do Trabalho (MPT), Serviço Social dá Industria (Sesi),  Serviço Social do Comércio (Sesc), Sindicato da Indústria da Construção do Estado de Alagoas (Sinduscon), Sindicato dos Técnicos de Segurança do Trabalho no Estado de Alagoas (Sintestal), Superintendência Regional do Trabalho  (SRT/AL) e Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL). O Movimento ainda conta com o apoio da Usina Coruripe e Maceió Shopping.

Estáticas – De 2012 até hoje, foram registrados 4,6 milhões de acidentes de trabalho no País, dos quais 16.900 foram fatais. Os dados estão disponíveis no site do Observatório Digital de Saúde e Segurança no Trabalho, plataforma desenvolvida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT). É estimada a ocorrência de um acidente a cada 48s.

De 2012 a 2019, os acidentes de trabalho custaram quase R$ 78 bilhões à Previdência Social, segundo o MPT. Nessa conta, estão gastos com auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, pensão por morte e auxílio-acidente. Considerando apenas as novas concessões, entre 2012 e 2017 foram gastos mais de R$ 26 bilhões.

Segundo dados do Anúario Estatístico de Acidentes de Trabalho da Previdência Social, somente em 2017 foram registrados 549.405 acidentes de trabalho no Brasil. Desses, 64.076 ocorreram no Nordeste e 4.051, em Alagoas.

Desde 2012, foram 14.412 acidentes de trabalho fatais, sendo 1.989 casos de morte acidentária notificados em 2017.  O que representa 1 morte em acidente estimada a cada 3h 38m 43s.

Contatos para entrevistas:

Harrison David Maia – Presidente do Sintestal (Coordenador do Abril Verde) 988260750

Elton Machado (SRT) 99999 4106

Walber Pitombeira (Sesi) 99361 3775

Janaina Valença (Sesc) 99971 3629

Ascom TRT 988554113 (Luiza)

Ascom MPT 21237946 99335 6192 (Rafael)

Ascom Ademi – 99125 8266 (Gabriela)

Ascom Sinduscon – 99976 9716 (Patrícia)

Fonte: Painel Notícias