Alagoas
Twitter Facebook

Você está aqui: SESC ALAGOAS

INFORMAÇÕES SOBRE ALAGOAS

ALAGOAS: um roteiro de praias

Cidade com pouco mais de 900 mil habitantes, Maceió é privilegiada pelas belezas naturais. São centenas de quilômetros de litoral com praias de águas mornas e claras, quase sempre marcadas pela presença de coqueiros.

No litoral norte, onde fica a Pousada Guaxuma, destacam-se as praias de Guaxuma, Garça Torta, Mirante da Sereia, Riacho Doce, Ipioca, Sonho Verde e, saindo de Maceió, o litoral de cidades como Japaratinga e, por último, Maragogi, já na fronteira com Pernambuco.

No litoral sul, vale a pena visitar a Praia do Francês – que faz parte da histórica Marechal Deodoro, cidade natal do proclamador da república e patrimônio histórico nacional –, Barra de São Miguel, Jequiá da Praia e Pontal de Coruripe. A região está na história do Brasil por ter sido o local onde teria ocorrido um dos mais polêmicos episódios do nosso passado, ocorrido no século 16: o suposto “banquete” de índios Caetés, que teriam “devorado” o bispo português Dom Pero Fernandes Sardinha após o religioso ter aportado em território indígena, como sobrevivente de um naufrágio.

No “burburinho” da capital alagoana, as praias urbanas também são muito apreciadas. Jatiúca, Ponta Verde e Pajuçara são “vizinhas” e concentram bares, restaurantes e um calçadão que, durante todo o dia, é freqüentado por pessoas de todas as idades. É nessa parte da cidade onde se pode apreciar delícias como a tapioca, a água de coco gelada e sucos feitos de frutas da região.

A gastronomia alagoana é um capítulo à parte e costuma conquistar os visitantes. Entre os pratos típicos do estado, predominam aqueles feitos à base de frutos do mar, como o peixe, o camarão, o sururu (molusco típico de Alagoas), lagosta, siri, caranguejo e ostra. Além de dezenas de restaurantes localizados em Maceió e cidades vizinhas, uma boa opção é visitar o pólo gastronômico do povoado da Massagueira, com bares e restaurantes às margens da lagoa Manguaba. Na saída do povoado, vale provar as tradicionais cocadas de leite ou de frutas, além dos sequilhos e suspiros.

Para quem deseja levar um pouco do artesanato alagoano, a dica é visitar a Feirinha de Artesanato da Pajuçara, na orla, ou o pólo de rendeiras do Pontal da Barra, na saída da cidade, em direção ao litoral sul. Embora um pouco mais distante, o bairro concentra a produção de peças de filé, richelieu, crochê, renascença, renda de bilro e outros, que são comercializados, em sua maioria, nas casas das artesãs.

POÇO: (82) 2123-2440 ou 0800 284 2440 GUAXUMA: (82)2123-2800
CENTRO: (82) 3201-1350 JARAGUÁ: (82) 3221-1042 ARAPIRACA: (82) 3482-2400
id5 soluções web